Autor: Folha do Sul - 27/10/2021 08h05

Em Rondônia, sitiante encosta antena em rede de alta tensão, recebe descarga elétrica e morre

Esposa também foi atingida, mas sobrevive




Dono de um sítio de 42 alqueires que fica a cerca de 20 km da área urbana de Vilhena, um homem identificado como Paulo Alves Moulais, de 51 anos morreu no início da noite desta terça-feira 26, ao receber uma descarga elétrica.

De acordo com informações obtidas pelo FOLHA DO SUL ON LINE, a esposa de Paulo, Rosalina Castilho da Silva, de 45 anos, também foi atingida pelo choque elétrico, mas sobreviveu e está estável, porém em estado de choque.

O site entrevistou um piscicultor que é vizinho de Paulo e que o socorreu, junto com a esposa, após o acidente. Segundo o entrevistado, ele estava fazendo uma cerca quando “Rosa”, a esposa do sitiante, passou levando o marido no banco traseiro de sua caminhonete.

Quando a vizinha pediu ajuda, o piscicultor assumiu o volante de picape, enquanto a mulher foi ficar ao lado do marido. “Cerca de 500 metros depois, vendo o desespero dela, eu parei e tentei reanimar o Paulo com massagem cardíaca, mas ele já estava morto. Era um guerreiro, e a gente fica muito triste com o que aconteceu”

Segundo as primeiras informações, Paulo estava tentando obter sinal de internet, quando encostou a antena de metal que estava usando na rede de alta tensão, recebendo a descarga fatal. A esposa dele continua internada, sob sedação e sendo observada pelos médicos. Ela sofreu queimaduras nos dedos e na barriga.

Ex-dono do pesque-Pague Lagoa da Prata, Paulo atualmente estava se dedicando ao cultivo de abacaxis. Junto com a esposa, ele tinha 300 mil pés plantados e era um dos maiores produtores da fruta em Vilhena.



NOTÍCIAS RELACIONADAS



Publicidade